terça-feira, 21 de março de 2017

Aécio diz a Temer que PSDB defende mudanças na reforma da Previdência

Resultado de imagem para aecio e temer memeO presidente Michel Temer recebeu o senador mineiro Aécio Neves, presidente nacional do PSDB, na tarde desta 3ª feira (21.mar.2017) no Palácio do Planalto. O tucano condicionou o apoio da sigla à reforma da Previdência a duas mudanças no texto enviado pelo Executivo ao Congresso:
  • retirar alterações às regras que hoje regem o acesso ao benefício de prestação continuada, concedido a idosos e pessoas de baixa renda com deficiência;
  • diferenciar a contribuição de trabalhadores rurais. O senador afirmou que o partido ainda não discutiu uma fórmula, mas exige “1 olhar diferenciado” sobre a categoria.
“Na condição de presidente do PSDB eu vim reiterar nosso compromisso com a reforma, mas manifestei ao presidente a necessidade de alguns ajustes (…). Do ponto de vista do PSDB, 1 grande aliado do governo, tanto os idosos de baixa renda, quanto os portadores de deficiência por 1 lado, quanto os trabalhadores rurais do outro, devem ter 1 tratamento diferenciado”, disse o senador.
Os tucanos defendem ainda a manutenção da idade mínima em 65 anos e a paridade na aposentadoria de homens e mulheres.
Congressistas da legenda apresentaram 6 emendas à proposta na comissão especial da Câmara. O partido é o maior aliado do governo Temer. Tem 47 deputados, 11 senadores e 3 ministros: Bruno Araújo (Cidades), Antonio Imbassahy (Segov) e Aloysio Nunes (Relações Exteriores).